Rola Blog - Bem-humorado em suas quatro linhas. Ou melhor, entrelinhas.

Translate Traduca Traduzca Traduisez


------------------------------
:: Conheça o PERFIL do Rola Blog e do autor
------------------------------


E-mail


E-mail
Adicione o RB aos favoritos
------------------------------


RSS


Da Arquibancada:
- Sua nota para o Rola Blog
- Indique esse Blog


Enquete
Para o Brasil receber megaeventos esportivos, o mais importante é...

Investir em mobilidade urbana e infra-estrutura

Construir arenas e estádios modernos

Planejar o legado

Estruturar o esporte de base aliado à educação

Votar


Galeria.RB
- Álbum de figurinhas
- Ingressos históricos
- Joga Blog (Games)
- Wallpapers NBA
- Mapa do site
- Escrete Virtual
- Matérias Revista Placar


TV


PODCAST


Coberturas Especiais:
- ROLA BLOG NO PAN
- COPA DO MUNDO 2006
- OLIMPÍADAS 2008
- ELES QUEREM ESTÁDIO

BLOGS


ESPORTE


Siga o Rola Blog:
------------------------------

Twitter

Orkut


Facebook


Flickr


Youtube

------------------------------

Arquivo Esportivo:
- 26/09/2010 a 02/10/2010
- 18/07/2010 a 24/07/2010
- 11/07/2010 a 17/07/2010
- 04/07/2010 a 10/07/2010
- 27/06/2010 a 03/07/2010
- 20/06/2010 a 26/06/2010
- 13/06/2010 a 19/06/2010
- 30/05/2010 a 05/06/2010
- 16/05/2010 a 22/05/2010
- 09/05/2010 a 15/05/2010
- 02/05/2010 a 08/05/2010
- 11/04/2010 a 17/04/2010
- 21/03/2010 a 27/03/2010
- 07/03/2010 a 13/03/2010
- 14/02/2010 a 20/02/2010
- 24/01/2010 a 30/01/2010
- 10/01/2010 a 16/01/2010
- 20/12/2009 a 26/12/2009
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 29/11/2009 a 05/12/2009
- 22/11/2009 a 28/11/2009
- 15/11/2009 a 21/11/2009
- 08/11/2009 a 14/11/2009
- 01/11/2009 a 07/11/2009
- 25/10/2009 a 31/10/2009
- 27/09/2009 a 03/10/2009
- 20/09/2009 a 26/09/2009
- 16/08/2009 a 22/08/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 02/08/2009 a 08/08/2009
- 26/07/2009 a 01/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 12/07/2009 a 18/07/2009
- 05/07/2009 a 11/07/2009
- 28/06/2009 a 04/07/2009
- 21/06/2009 a 27/06/2009
- 07/06/2009 a 13/06/2009
- 17/05/2009 a 23/05/2009
- 03/05/2009 a 09/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 22/03/2009 a 28/03/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 08/03/2009 a 14/03/2009
- 01/03/2009 a 07/03/2009
- 22/02/2009 a 28/02/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 08/02/2009 a 14/02/2009
- 25/01/2009 a 31/01/2009
- 18/01/2009 a 24/01/2009
- 11/01/2009 a 17/01/2009
- 04/01/2009 a 10/01/2009
- 21/12/2008 a 27/12/2008
- 14/12/2008 a 20/12/2008
- 07/12/2008 a 13/12/2008
- 30/11/2008 a 06/12/2008
- 23/11/2008 a 29/11/2008
- 16/11/2008 a 22/11/2008
- 02/11/2008 a 08/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 19/10/2008 a 25/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 07/09/2008 a 13/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 17/08/2008 a 23/08/2008
- 10/08/2008 a 16/08/2008
- 03/08/2008 a 09/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 13/07/2008 a 19/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 11/05/2008 a 17/05/2008
- 04/05/2008 a 10/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 06/04/2008 a 12/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 23/03/2008 a 29/03/2008
- 16/03/2008 a 22/03/2008
- 09/03/2008 a 15/03/2008
- 02/03/2008 a 08/03/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 10/02/2008 a 16/02/2008
- 03/02/2008 a 09/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 13/01/2008 a 19/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 18/11/2007 a 24/11/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 21/10/2007 a 27/10/2007
- 16/09/2007 a 22/09/2007
- 02/09/2007 a 08/09/2007
- 26/08/2007 a 01/09/2007
- 19/08/2007 a 25/08/2007
- 12/08/2007 a 18/08/2007
- 05/08/2007 a 11/08/2007
- 29/07/2007 a 04/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 15/07/2007 a 21/07/2007
- 08/07/2007 a 14/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 24/06/2007 a 30/06/2007
- 17/06/2007 a 23/06/2007
- 10/06/2007 a 16/06/2007
- 03/06/2007 a 09/06/2007
- 27/05/2007 a 02/06/2007
- 20/05/2007 a 26/05/2007
- 13/05/2007 a 19/05/2007
- 06/05/2007 a 12/05/2007
- 29/04/2007 a 05/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 15/04/2007 a 21/04/2007
- 08/04/2007 a 14/04/2007
- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 25/03/2007 a 31/03/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 04/03/2007 a 10/03/2007
- 25/02/2007 a 03/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 04/02/2007 a 10/02/2007
- 21/01/2007 a 27/01/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 10/12/2006 a 16/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 22/10/2006 a 28/10/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 05/02/2006 a 11/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006

------------------------------


Technorati


COMO O ESPORTE GIRA EM TORNO DO MUNDO



No calabouço da bola


RB cobre categoria de base de clube amador por uma semana em BH e revela “jogadas” que nada tem a ver com futebol-arte




Acompanhar um time de jovens garotos por uma semana: esse foi o método encontrado para tentar compreender como funciona o trabalho com categorias de base no Brasil.


O clube escolhido: Santa Cruz F.C., equipe amadora de Belo Horizonte, com quase 60 anos de história. É, até hoje, a grande campeã da Copa Itatiaia – maior torneio de futebol amador da capital mineira. Tetra!


Desde 2003, no entanto, o Santa abandonou o futebol amador e dedica-se exclusivamente à formação de atletas nas categorias infantil e juvenil. Apesar do amadorismo, o clube também tem tradição na base.


Foi campeão mineiro na categoria juvenil, em 1995. Mas esse não é o maior título do Santa Cruz. O que dá mais orgulho ao clube tricolor foi ter revelado, ao longo de sua história, jogadores que brilham ou já brilharam no profissional: o lateral-esquerdo Dedê (Borussia Dortmund-ALE), Evanílson (América-MG), Welton Felipe (Atlético-MG), além do goleiro Bruno (Flamengo).


Uma semana acompanhando a rotina do clube, entretanto, faz perceber que, hoje, o Santa está longe de revelar novos craques e conseguir mais troféus para engrandecer sua história. Longe, mas longe mesmo...


SEGUNDA-FEIRA


Chego de manhã ao campo do Santa Cruz. Não deveria ser nem 9 horas. Aquele ambiente me soa familiar. Há quase 10 anos, eu estava ali, tentando a sorte com a bola nos pés. Era mais um no meio da multidão. Mas, apesar de levar algum jeito pra coisa, fiquei pra trás e o futebol para mim não passou de um sonho.


Da mesma forma que outros tantos colegas, companheiros de time naquela época, também não vingaram. Ficaram a saudade e a lembrança de um tempo bom, em que o sonho alimentava nosso esforço. Porém, restou ainda uma pontinha de frustração, ao ver que as tardes de trabalho e suor no Santa Cruz serviram pra muito pouco.


Depois de 2000, nunca mais havia retornado ao Santa. Me afastei completamente. Mas, disposto a acompanhar as categorias de base do clube por uma semana, volto e, logo de cara, percebo que não perdi nada. Sim, já se passaram 10 anos, e o Santa Cruz continua o mesmo.


As mesmas histórias, as mesmas dificuldades, o mesmo roteiro. Mudaram algumas caras, apenas. E, uma dessas caras novas, encontro logo na entrada do clube. Trata-se de William Carneiro, treinador da categoria juvenil, que, naquela manhã, fazia um trabalho diferente da sua verdadeira função.


Carregava, de um lado a outro do campo, um carrinho de mão cheio de areia. Suava bastante, sem, no entanto, aparentar cansaço. “Aqui, meu amigo, se a gente não fizer de tudo, o clube para. É assim mesmo”, diz o treinador multifuncional, balançando a cabeça em sinal de descontentamento.


Cuíca, como é conhecido por todos no Santa Cruz, chegou ao clube em 2006. Além de técnico e servente de obras, ele é uma espécie de “faz-de-tudo” por lá. É roupeiro, massagista, dirigente, olheiro, tesoureiro, psicólogo e, sobretudo, amigo dos atletas. Imagina o salário dele?


Ele não recebe um centavo. “Tinha uma mixaria guardada. Com ela, vinha me sustentando desde 2006. Mas minhas economias já estão acabando. Perdi até meu casamento por essa dedicação integral ao Santa Cruz”, conta.


Solícito, Cuíca me convida para acompanhar o treino do juvenil durante a tarde. Antes de começar o trabalho da semana, ele reúne os atletas num cantinho do campo para comentar o último jogo da equipe.


A categoria vinha fazendo boa campanha na Copa Integração, que reúne categorias de base de clubes tradicionais, como Cruzeiro, Atlético-MG, América-MG e Villa Nova. Estava em segundo lugar em sua chave, atrás apenas do time cruzeirense. No final de semana seguinte, o compromisso do Santa seria justamente na Toca da Raposa. Era a chance de roubar a liderança do Cruzeiro.


Por isso, Cuíca pedia dedicação ainda maior de todos os jogadores. Elogiou a atuação do grupo no último jogo e lamentou o incidente envolvendo o “Pacote” – que será explicado mais adiante. Um apito e os jogadores partem para o aquecimento. Está aberta mais uma semana de trabalho – e polêmica - no Santa Cruz.


TERÇA-FEIRA




Dia de folga para os atletas. Mas Cuíca está lá, firme e forte, supervisionando o trabalho da categoria infantil. Além dele, a comissão técnica do clube é formada por mais um técnico, quem comanda o infantil.


Por sua tradição e notória fama, o Santa Cruz recebe todos os dias uma porção de jogadores para teste. Eles chegam, jogam alguns minutinhos no coletivo e recebem o aval ou não de Cuíca, também responsável pelas peneiras e por descobrir novos talentos para o clube.


Além de jogadores em busca de uma vaguinha na equipe, empresários e agentes da bola também são figurinhas carimbadas nas dependências do Santa. Levam jogadores para teste e, pior, aliciam os que se destacam em cada categoria. Boa parte é formada por aproveitadores, charlatões do futebol. Outros estão lá por boa vontade, ajudando garotos que vêm de clubes menores para teste.


Na segunda-feira mesmo conversei com um senhor que acompanhava um garoto, lateral-esquerdo, no teste para a equipe juvenil. Ele trouxe o garoto do bairro Serra Verde, zona norte de Belo Horizonte, para tentar a sorte, pois já estava se destacando num dos times amadores da região.


“Olha só o jeito dele bater na bola. Tem futuro esse menino”, se orgulhava o olheiro, que garantiu não receber nada para acompanhar a jovem promessa. Ele acaba aprovado no teste, juntamente com um cabeça-de-área. Exceções. Pois, durante a semana, dezenas de garotos também se aventuraram na empreitada e foram reprovados.


À beira do campo, encontro, ainda, um ex-jogador do Santa, conhecido como Gambá. Ele atuou nas categorias infantil e juvenil do clube. Este ano, está parado, pois já ‘estourou’ a idade. Passava pelo Santa Cruz para rever os amigos e esperava por um empresário, que lhe prometera uma vaga em um time de juniores.


Quando dizia que o Santa Cruz não mudou nada é porque não mudou mesmo. Desde a minha época, testes frustrados, falsos empresários e desilusões já eram realidade. A estrutura do clube, ou a falta dela, está como antes. Tudo igual. A situação do estádio tricolor é crítica, como mostra o vídeo abaixo e as fotos no Flickr do Rola Blog:


A matéria foi gravada em abril. Hoje, as obras no campo acabaram. O estado do gramado é bem melhor, mas ainda apresenta falhas. O mato foi arrancado das arquibancadas. Já o alambrado e a sede continuam avariados.

A única mudança aparente é o novo gramado – ou seu esboço – do campo, o pivô de uma grande confusão. Mas isso é assunto para o próximo post.



- Postado por: Breiller Pires às 00h00
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________