Rola Blog - Bem-humorado em suas quatro linhas. Ou melhor, entrelinhas.

Translate Traduca Traduzca Traduisez


------------------------------
:: Conheça o PERFIL do Rola Blog e do autor
------------------------------


E-mail


E-mail
Adicione o RB aos favoritos
------------------------------


RSS


Da Arquibancada:
- Sua nota para o Rola Blog
- Indique esse Blog


Enquete
Para o Brasil receber megaeventos esportivos, o mais importante é...

Investir em mobilidade urbana e infra-estrutura

Construir arenas e estádios modernos

Planejar o legado

Estruturar o esporte de base aliado à educação

Votar


Galeria.RB
- Álbum de figurinhas
- Ingressos históricos
- Joga Blog (Games)
- Wallpapers NBA
- Mapa do site
- Escrete Virtual
- Matérias Revista Placar


TV


PODCAST


Coberturas Especiais:
- ROLA BLOG NO PAN
- COPA DO MUNDO 2006
- OLIMPÍADAS 2008
- ELES QUEREM ESTÁDIO

BLOGS


ESPORTE


Siga o Rola Blog:
------------------------------

Twitter

Orkut


Facebook


Flickr


Youtube

------------------------------

Arquivo Esportivo:
- 26/09/2010 a 02/10/2010
- 18/07/2010 a 24/07/2010
- 11/07/2010 a 17/07/2010
- 04/07/2010 a 10/07/2010
- 27/06/2010 a 03/07/2010
- 20/06/2010 a 26/06/2010
- 13/06/2010 a 19/06/2010
- 30/05/2010 a 05/06/2010
- 16/05/2010 a 22/05/2010
- 09/05/2010 a 15/05/2010
- 02/05/2010 a 08/05/2010
- 11/04/2010 a 17/04/2010
- 21/03/2010 a 27/03/2010
- 07/03/2010 a 13/03/2010
- 14/02/2010 a 20/02/2010
- 24/01/2010 a 30/01/2010
- 10/01/2010 a 16/01/2010
- 20/12/2009 a 26/12/2009
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 29/11/2009 a 05/12/2009
- 22/11/2009 a 28/11/2009
- 15/11/2009 a 21/11/2009
- 08/11/2009 a 14/11/2009
- 01/11/2009 a 07/11/2009
- 25/10/2009 a 31/10/2009
- 27/09/2009 a 03/10/2009
- 20/09/2009 a 26/09/2009
- 16/08/2009 a 22/08/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 02/08/2009 a 08/08/2009
- 26/07/2009 a 01/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 12/07/2009 a 18/07/2009
- 05/07/2009 a 11/07/2009
- 28/06/2009 a 04/07/2009
- 21/06/2009 a 27/06/2009
- 07/06/2009 a 13/06/2009
- 17/05/2009 a 23/05/2009
- 03/05/2009 a 09/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 22/03/2009 a 28/03/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 08/03/2009 a 14/03/2009
- 01/03/2009 a 07/03/2009
- 22/02/2009 a 28/02/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 08/02/2009 a 14/02/2009
- 25/01/2009 a 31/01/2009
- 18/01/2009 a 24/01/2009
- 11/01/2009 a 17/01/2009
- 04/01/2009 a 10/01/2009
- 21/12/2008 a 27/12/2008
- 14/12/2008 a 20/12/2008
- 07/12/2008 a 13/12/2008
- 30/11/2008 a 06/12/2008
- 23/11/2008 a 29/11/2008
- 16/11/2008 a 22/11/2008
- 02/11/2008 a 08/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 19/10/2008 a 25/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 07/09/2008 a 13/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 17/08/2008 a 23/08/2008
- 10/08/2008 a 16/08/2008
- 03/08/2008 a 09/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 13/07/2008 a 19/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 11/05/2008 a 17/05/2008
- 04/05/2008 a 10/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 06/04/2008 a 12/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 23/03/2008 a 29/03/2008
- 16/03/2008 a 22/03/2008
- 09/03/2008 a 15/03/2008
- 02/03/2008 a 08/03/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 10/02/2008 a 16/02/2008
- 03/02/2008 a 09/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 13/01/2008 a 19/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 18/11/2007 a 24/11/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 21/10/2007 a 27/10/2007
- 16/09/2007 a 22/09/2007
- 02/09/2007 a 08/09/2007
- 26/08/2007 a 01/09/2007
- 19/08/2007 a 25/08/2007
- 12/08/2007 a 18/08/2007
- 05/08/2007 a 11/08/2007
- 29/07/2007 a 04/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 15/07/2007 a 21/07/2007
- 08/07/2007 a 14/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 24/06/2007 a 30/06/2007
- 17/06/2007 a 23/06/2007
- 10/06/2007 a 16/06/2007
- 03/06/2007 a 09/06/2007
- 27/05/2007 a 02/06/2007
- 20/05/2007 a 26/05/2007
- 13/05/2007 a 19/05/2007
- 06/05/2007 a 12/05/2007
- 29/04/2007 a 05/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 15/04/2007 a 21/04/2007
- 08/04/2007 a 14/04/2007
- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 25/03/2007 a 31/03/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 04/03/2007 a 10/03/2007
- 25/02/2007 a 03/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 04/02/2007 a 10/02/2007
- 21/01/2007 a 27/01/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 10/12/2006 a 16/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 22/10/2006 a 28/10/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 05/02/2006 a 11/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006

------------------------------


Technorati


COMO O ESPORTE GIRA EM TORNO DO MUNDO



Nem tão saudável assim


Para abrir a nova série especial do RB, uma questão polêmica: esporte é sinônimo de saúde? Pergunta que, de óbvia, não tem nada



Muita gente responderia à pergunta sem hesitar: sim, esporte é sinônimo de saúde. Porém, muita gente também se esquece que esporte e atividade física têm significados distintos e, por consequência, objetivos diferentes.


É o que explica o médico e professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Luiz Oswaldo Rodrigues, uma das principais referências em fisiologia do exercício no país. “Esporte não é atividade física regular, moderada, lúdica, prazerosa. Ele incorpora a ideologia competitiva burguesa, está sempre buscando o limite do corpo humano”.


Esporte não é sinônimo de saúde. É sinônimo de risco e lesão.


Essa é a visão de um dos pesquisadores da área de educação física e saúde mais respeitados do Brasil. Luiz Oswaldo se afastou da medicina esportiva e, há quase cinco anos, não trabalha mais com atletas de alto rendimento. Ele conta que os anos de experiência com o esporte lhe renderam muitas desilusões e a certeza de que o esforço para quebrar limites e alcançar vitórias não compensa.


“Certa vez, fiz uma avaliação da seleção brasileira infanto-juvenil de vôlei. Dentre 54 atletas, 20% tinham lesões articulares que os incomodavam até mesmo numa simples caminhada. Se eles estão assim aos 17 anos, em início de carreira, imagina quando chegarem aos 40?”, questiona o médico.


A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera adequada a prática de exercícios físicos de intensidade leve ou moderada (caminhada, musculação, ginástica) por 30 minutos diários, pelo menos cinco vezes por semana. Para atividades mais vigorosas, como futebol ou basquete, por exemplo, 20 minutos diários, pelo menos três dias por semana.



No esporte de alto rendimento, entretanto, jogadores de futebol, ginastas, velocistas e nadadores extrapolam – e muito – as recomendações da OMS. Michael Phelps, por exemplo, nada em média seis vezes por semana. São 14 km em cinco horas diárias de treinamento. Para dar conta desse ritmo frenético, Phelps ingere em torno de 12 mil calorias por dia, seis vezes mais que o recomendado para um adulto normal.


Além de problemas com lesões, Luiz Oswaldo alerta que atletas de alto rendimento podem sofrer uma série de complicações devido ao excesso de treinos e jogos, como doenças cardiovasculares, insônia e falta de ar. É o que os médicos chamam de overtraining, quando não há descanso suficiente para o corpo entre os treinamentos, podendo ocasionar, inclusive, a perda de músculos.


“Andar de bicicleta, por exemplo, é mais arriscado que saltar de bungee jump, principalmente quando a prática é intensa, diária. Um médico que dá aval para atletas treinarem no ritmo que o alto nível exige é como se indicasse uma roleta-russa. Os riscos são tão grandes quanto”, compara Luiz Oswaldo.


Ouça trechos da entrevista com o médico Luiz Oswaldo Rodrigues:


ATIVIDADE FÍSICA X SEDENTARISMO


Apesar de não recomendar o esporte (competição + desempenho) a ninguém, Luiz Oswaldo reconhece que a atividade física, desde que moderada e devidamente monitorada, é fundamental ao bem-estar do corpo humano e indicada a qualquer pessoa.


Porém, no Brasil, apenas 16,4% da população pratica exercício físico com regularidade. Uma pequena amostragem, coletada em menos de um mês através de enquete no blog, mostra que a maioria dos leitores do RB se encaixa no perfil dos brasileiros que não se exercitam com frequência. 


 


Uma realidade que preocupa o médico José Artur Medina, membro do Centro de Medicina da Atividade Física e do Esporte da Unifesp (CEMAFE). Para ele, o sedentarismo representa uma ameaça tão grande que a prática de exercícios físicos deveria ser imposta pelo Estado.


“O governo, através de vários mecanismos, obriga o cidadão a pôr seus filhos na escola e a vaciná-los. O mesmo deveria ocorrer em relação à atividade física, que é uma das melhores ferramentas de promoção da saúde que temos”, argumenta.


Mas, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde, em 2008, o sedentarismo vem diminuindo no Brasil. Em 2006, 29,2% dos brasileiros eram sedentários. Em 2008, esse número caiu para 26,3%.


Ainda assim, boa parte da população ainda não pratica exercícios físicos como recomenda a OMS. E é justamente nas cidades maiores e mais industrializadas do país que os números dão o sinal de alerta. 


 


Segundo Medina, esses números só vão começar a crescer quando o governo colocar a prática de atividade física regular por parte dos cidadãos como prioridade, pois, através dela, seria possível evitar uma série de enfermidades, como obesidade, hipertensão, problemas do coração e doenças respiratórias.


“O governo pode reduzir bastante seus gastos com saúde por meio da atividade física, mas, para isso, deveria rever conceitos. Investir em saúde pública não é construir hospitais, mas sim oferecer à população políticas que garantam seu bem estar. A atividade física é a principal delas”.


O MITO DA CURA PELO ESPORTE


Foi através da prática de exercícios físicos regulares que Aírton Graça, 26, diz ter se livrado das crises de asma que o acometiam desde a infância. Somente aos 21 anos, ele descobriu que a natação poderia valer por todos os remédios que havia tomado até então para tentar aliviar os sintomas da doença.


“Já faz cinco anos que nado três vezes por semana. De lá para cá, minha vida mudou. Nunca mais tive uma crise. Antes, subia as escadas para o meu quarto e deitava na cama com falta de ar. Hoje, participo até de provas de natação e me sinto muito bem”, revela Aírton.

 


No entanto, a médica especialista em Alergia e Imunologia, Fátima Emerson, afirma que natação ou qualquer outra atividade física não curam a asma. O que acontece, no caso da natação, é que sua prática fortalece a musculatura respiratória e trabalha a coordenação aeróbica. O paciente, contudo, só observa resultados se mantiver o tratamento com remédios.


“A natação não afasta a necessidade do tratamento e dos remédios. E a asma também não impede que o paciente pratique esporte ou atividade física. A melhor jogadora de futebol do mundo [Marta], por exemplo, é asmática. O exercício físico serve apenas como ferramenta para tratar a asma e outras doenças respiratórias”, esclarece Fátima.
 



- Postado por: Breiller Pires às 14h49
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________




COMO O ESPORTE GIRA EM TORNO DO MUNDO

Debate em Dia Olímpico: postagem coletiva

 

O esporte é capaz de transformar o mundo e a sociedade em que vivemos?

Para responder à pergunta, convoquei um time de blogueiros de primeira. Aceitaram a proposta sem hesitar e, em menos de uma semana, produzimos uma postagem coletiva que vem gerando debate de altíssimo nível na blogosfera.

A ideia da ação surgiu para marcar o Dia Universal Olímpico, comemorado hoje em todo o mundo. A data celebra a fundação do Comitê Olímpico Internacional, em 1894, pelo Barão de Coubertin. Além disso, o post coletivo abre caminho à nova série especial do RB.

Leandro Montianele, do Loucos por F-1, acredita ser um exagero dizer que o esporte pode mudar o mundo e a sociedade em que vivemos. Tal como o Gerson Sicca, do Limpo no Lance, que vai além e ainda faz uma crítica ao esporte de alto rendimento.

Por outro lado, Guilherme Freitas, editor do Blog da Comunicação, argumenta sobre a capacidade do esporte em promover integração social e unir diferenças políticas e ideológicas. Mesma linha de pensamento seguida por Alexandre Massi: “é muito mais do que uma atividade física”.

A maioria dos blogueiros utilizou o futebol como referência. Felipe Lessa explorou a relação do torcedor com o mundo da bola no De Primeira. Daniel Leite, do PDMB, trouxe à tona a questão do “falso Apartheid” no futebol sul-africano.

Já André Augusto, do Opinião F.C., pegou o gancho das duas Coreias classificadas para a Copa-2010 em “Onde o Norte reencontra o Sul”, que também foi abordado por Renan Ferrari, no Ligado na Bola: “o esporte, como tudo na vida, é bem e é mal. É felicidade e é tristeza. Mas acima de tudo, é tudo acima”.

Eduardo Zobaran, do Yougol, traçou um interessante paralelo entre mídias sociais, a figura da mulher e o futebol no Irã: “tudo aquilo vivido pelo esporte reflete de forma direta ou indireta na mecânica de nossas vidas(...)”.

Camila Paulos, editora do Respirando Futebol, e Lucas Martins, do Plantão Esportivo, voltaram no tempo e relataram o dia em que Pelé parou a guerra na África. Camila ainda acrescenta que “brasileiro que é brasileiro gosta de futebol! Que basquete e vôlei, que nada, o negócio é chutar a redonda, vibrar com dribles e gritar gol”.

Ao contrário dela, Priscilla Bar, no velocíssimo Guard Rail, prefere tratar do poder de mobilização do esporte com base em outras modalidades, sobretudo o automobilismo. Para ela, que vive na Espanha há algum tempo, “já não é só o futebol que move multidões”.

Além da Priscilla, teve mais gente batendo na tecla de outras modalidades esportivas. O flamenguista Leandrus citou em seu blog projetos sociais como uma forma válida de mudança advinda do esporte. Seu exemplo é o do judoca Flávio Canto, que mantém um Instituto para crianças carentes no Rio de Janeiro.

Projeto social também apareceu como tema no Café com Notícias, administrado pelo jornalista Wander Veroni. Ele foi conferir de perto a rotina numa escola de Ginástica Rítmica, em Belo Horizonte, que abre espaço para atletas da rede municipal de ensino conhecerem a modalidade. Guilherme Guimarães, do Ativa Esporte, destaca a parceria entre Chelsea e Adidas na periferia de Londres.

O Net Esportes ponderou a questão em “Os dois lados do esporte”, apontando exemplos pertinentes de atletas que se expressaram e lutaram contra o racismo através do esporte, como Jesse Owens e Tommie Smith. Por fim, João Henrique, do Filosofia Tática, propôs o “Plano Esporte”, com o objetivo de ressaltar o papel do esporte como formador de caráter na sociedade.

O Rola Blog lançou, ainda, a discussão no Brasigo e em enquetes pelo Orkut, que podem ser acessadas na comunidade do blog, da Copa do Mundo 2014 e dos Blogs esportivos.

Vale a pena conferir os links e participar também desse debate que tenta avaliar a real dimensão do esporte em torno do mundo. Assunto que vai permear a nova série aqui no blog, que já começa a ser postada na próxima quinta-feira.

-----------------------------------------
 Acompanhe a série pelo Twitter: #esportemundo



- Postado por: Breiller Pires às 22h56
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________




COMO O ESPORTE GIRA EM TORNO DO MUNDO

Para discutir o esporte em rede



POST COLETIVO
O resultado de uma postagem coletiva para o Dia Universal Olímpico, que abriu a série de reportagem

ESPORTE x SAÚDE
Esporte, no fim das contas, é sinônimo de saúde ou de doença?

ESPORTE x CULTURA
Torcidas do país inteiro invadiram os bares de BH!

ESPORTE x EDUCAÇÃO
Esporte e educação em Cuba: um sistema em crise

ESPORTE x EDUCAÇÃO
Educação e esporte podem caminhar juntos? Os modelos de investimento em Cuba, nos EUA e no Brasil

ESPORTE x SOCIEDADE
A sobrevivência do futebol amador em diversas comunidades: a várzea da bola representada tanto na capital quanto no interior de Minas Gerais

ESPORTE x SOCIEDADE
Porque as categorias de base no país do futebol não podem ser levadas a sério

ESPORTE x SOCIEDADE
Panela e peixada: práticas amadoras no universo profissional do futebol de base

ESPORTE x SOCIEDADE
A revelação de novos talentos no futebol brasileiro virou comércio? Saiba porque o Ministério Público do Trabalho entrou na jogada

ESPORTE x SOCIEDADE
Esporte adaptado, portadores de deficiência e a quebra de limitações

ESPORTE x CULTURA
Futebol Americano e Rugby: esportes de contato, imponentes e estigmatizados pelo mito da violência

ESPORTE x ECONOMIA
Expansão da economia, PAC, projeção internacional: a conjuntura favorável garante o sucesso da Copa-2014 no Brasil?

ESPORTE x POLÍTICA
Como a esfera política contribuiu para instituir intolerâncias e preconceitos no esporte

UMA PROPOSTA PARA O JORNALISMO ESPORTIVO ONLINE
"O jornalismo esportivo que queremos", uma proposta para a web a partir de um case próprio

ROLA BLOG TV
Reportagens em vídeo da série

PROJETO SÉRIE ESPECIAL DE REPORTAGEM
Relatório final: fundamentação teórica + execução

-------------------------------------------------

Tentar apresentar e explicar as diversas formas pelas quais o esporte se relaciona com alguns segmentos da sociedade, sugerindo um novo modelo de jornalismo esportivo para a internet.


Essa é a principal proposta de “Como o esporte gira em torno do mundo”, a nova série especial de reportagens do Rola Blog, que começa a ser postada já nesta semana.


Para cumprir a missão, o RB pôs o pé na estrada e foi atrás de histórias que a cobertura da mídia esportiva tradicional não se interessa em contar. Utilizando-se de poucos recursos – uma simples câmera digital, um celular, gravador, bloco de papel e caneta na mão -, a série busca um outro olhar sobre o esporte.


A agonia do futebol de várzea nas grandes cidades e no interior, os modelos de investimento esportivo pelo mundo, a paixão pelo clube do coração que não impõe fronteiras, a saga de garotos que sonham em viver da bola, o engano que aproxima rugby e futebol americano da violência, outros discursos sobre a Copa que pode mudar o Brasil...


Esses são alguns dos temas que estarão em pauta ao longo da série, dividida em temáticas que envolvem o esporte em áreas como economia, cultura, política, saúde, educação e a sociedade como um todo.


Uma série estritamente pensada e planejada para a internet; para utilizar ferramentas voltadas à colaboração e à participação ativa por parte dos leitores, para aproveitar as possibilidades de interação que as mídias sociais oferecem e, de certa forma, alteram significativamente o formato do jornalismo online.


No fim das contas, “Como o esporte gira em torno do mundo” não se resume a uma série. Trata-se de um projeto editorial, que defende que o jornalismo esportivo pode e deve explorar melhor os recursos web para agregar mais vozes em sua cobertura.



Não deixe de acompanhar e participar dessa nova empreitada do RB, que só tem sentido com colaboração e, sobretudo, muita discussão.

Já no próximo post, que marca a abertura da série, o resultado de uma ação coletiva entre blogueiros, instigados a comentar a seguinte afirmação: “o esporte é capaz de transformar o mundo e a sociedade em que vivemos”.


Será mesmo? É justamente o que a série vai mostrar em mais de 10 postagens especiais, desafiando a lógica de pensar o esporte apenas como atividade física, como competição, como mero entretenimento capitalista.


O objetivo é ir além, aprofundar o fenômeno moderno chamado esporte. Esse universo paralelo que não deixa de girar em torno de nós.

-----------------------------------------
 Acompanhe a série pelo Twitter: #esportemundo



- Postado por: Breiller Pires às 10h59
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________