Rola Blog - Bem-humorado em suas quatro linhas. Ou melhor, entrelinhas.

Translate Traduca Traduzca Traduisez


------------------------------
:: Conheça o PERFIL do Rola Blog e do autor
------------------------------


E-mail


E-mail
Adicione o RB aos favoritos
------------------------------


RSS


Da Arquibancada:
- Sua nota para o Rola Blog
- Indique esse Blog


Enquete
Para o Brasil receber megaeventos esportivos, o mais importante é...

Investir em mobilidade urbana e infra-estrutura

Construir arenas e estádios modernos

Planejar o legado

Estruturar o esporte de base aliado à educação

Votar


Galeria.RB
- Álbum de figurinhas
- Ingressos históricos
- Joga Blog (Games)
- Wallpapers NBA
- Mapa do site
- Escrete Virtual
- Matérias Revista Placar


TV


PODCAST


Coberturas Especiais:
- ROLA BLOG NO PAN
- COPA DO MUNDO 2006
- OLIMPÍADAS 2008
- ELES QUEREM ESTÁDIO

BLOGS


ESPORTE


Siga o Rola Blog:
------------------------------

Twitter

Orkut


Facebook


Flickr


Youtube

------------------------------

Arquivo Esportivo:
- 26/09/2010 a 02/10/2010
- 18/07/2010 a 24/07/2010
- 11/07/2010 a 17/07/2010
- 04/07/2010 a 10/07/2010
- 27/06/2010 a 03/07/2010
- 20/06/2010 a 26/06/2010
- 13/06/2010 a 19/06/2010
- 30/05/2010 a 05/06/2010
- 16/05/2010 a 22/05/2010
- 09/05/2010 a 15/05/2010
- 02/05/2010 a 08/05/2010
- 11/04/2010 a 17/04/2010
- 21/03/2010 a 27/03/2010
- 07/03/2010 a 13/03/2010
- 14/02/2010 a 20/02/2010
- 24/01/2010 a 30/01/2010
- 10/01/2010 a 16/01/2010
- 20/12/2009 a 26/12/2009
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 29/11/2009 a 05/12/2009
- 22/11/2009 a 28/11/2009
- 15/11/2009 a 21/11/2009
- 08/11/2009 a 14/11/2009
- 01/11/2009 a 07/11/2009
- 25/10/2009 a 31/10/2009
- 27/09/2009 a 03/10/2009
- 20/09/2009 a 26/09/2009
- 16/08/2009 a 22/08/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 02/08/2009 a 08/08/2009
- 26/07/2009 a 01/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 12/07/2009 a 18/07/2009
- 05/07/2009 a 11/07/2009
- 28/06/2009 a 04/07/2009
- 21/06/2009 a 27/06/2009
- 07/06/2009 a 13/06/2009
- 17/05/2009 a 23/05/2009
- 03/05/2009 a 09/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 22/03/2009 a 28/03/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 08/03/2009 a 14/03/2009
- 01/03/2009 a 07/03/2009
- 22/02/2009 a 28/02/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 08/02/2009 a 14/02/2009
- 25/01/2009 a 31/01/2009
- 18/01/2009 a 24/01/2009
- 11/01/2009 a 17/01/2009
- 04/01/2009 a 10/01/2009
- 21/12/2008 a 27/12/2008
- 14/12/2008 a 20/12/2008
- 07/12/2008 a 13/12/2008
- 30/11/2008 a 06/12/2008
- 23/11/2008 a 29/11/2008
- 16/11/2008 a 22/11/2008
- 02/11/2008 a 08/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 19/10/2008 a 25/10/2008
- 05/10/2008 a 11/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 14/09/2008 a 20/09/2008
- 07/09/2008 a 13/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 17/08/2008 a 23/08/2008
- 10/08/2008 a 16/08/2008
- 03/08/2008 a 09/08/2008
- 20/07/2008 a 26/07/2008
- 13/07/2008 a 19/07/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 29/06/2008 a 05/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 11/05/2008 a 17/05/2008
- 04/05/2008 a 10/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 06/04/2008 a 12/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 23/03/2008 a 29/03/2008
- 16/03/2008 a 22/03/2008
- 09/03/2008 a 15/03/2008
- 02/03/2008 a 08/03/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 10/02/2008 a 16/02/2008
- 03/02/2008 a 09/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 13/01/2008 a 19/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 18/11/2007 a 24/11/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 21/10/2007 a 27/10/2007
- 16/09/2007 a 22/09/2007
- 02/09/2007 a 08/09/2007
- 26/08/2007 a 01/09/2007
- 19/08/2007 a 25/08/2007
- 12/08/2007 a 18/08/2007
- 05/08/2007 a 11/08/2007
- 29/07/2007 a 04/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 15/07/2007 a 21/07/2007
- 08/07/2007 a 14/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 24/06/2007 a 30/06/2007
- 17/06/2007 a 23/06/2007
- 10/06/2007 a 16/06/2007
- 03/06/2007 a 09/06/2007
- 27/05/2007 a 02/06/2007
- 20/05/2007 a 26/05/2007
- 13/05/2007 a 19/05/2007
- 06/05/2007 a 12/05/2007
- 29/04/2007 a 05/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 15/04/2007 a 21/04/2007
- 08/04/2007 a 14/04/2007
- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 25/03/2007 a 31/03/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 04/03/2007 a 10/03/2007
- 25/02/2007 a 03/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 04/02/2007 a 10/02/2007
- 21/01/2007 a 27/01/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 10/12/2006 a 16/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 22/10/2006 a 28/10/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 05/02/2006 a 11/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006

------------------------------


Technorati


ELES QUEREM ESTÁDIO

RB ESTÁDIOS: Parte 1Parte 2 | Parte 3 | Parte 4 | Parte 5 | Parte 6

Parque do Porco


O projeto para transformar o estádio do Palmeiras em arena multiuso ainda não saiu do papel.

O Estádio Palestra Itália, o Parque Antártica, que hoje tem capacidade para pouco menos de 30 mil torcedores, já passou por inúmeras reformulações. Entretanto, a torcida alviverde ainda sonha com um estádio de grande porte.

Em finais de campeonato ou em grandes clássicos, contra Corinthians ou São Paulo, muitos torcedores do Verdão acabam ficando do lado de fora. Ou seja, perdem o melhor da festa.

Buscando um alento para a torcida, Mustafá Contursi, durante toda a sua gestão, investiu mais de R$ 5 milhões em projetos para transformar o Parque em uma arena maior, com traços modernistas.

Porém, já no mandato de Affonso Della Mônica, o máximo que o Palmeiras conseguiu emplacar foram reformas atrás de reformas.

O placar eletrônico, uma nova fachada e uma pequena extensão da arquibancada, que agora tem cadeiras numeradas, são as únicas mudanças significativas em todos esses anos de esforços e altos investimentos em projetos de reformulação do estádio.

No começo deste ano, o Palmeiras negociou um contrato de “naming rights” com a companhia aérea Emirates. A empresa bancaria boa parte da construção de um novo estádio.

Em contrapartida, ao final do projeto, o clube teria de estampar o nome da Emirates em seu estádio. Seria como no Arsenal, em que a arena do clube inglês leva o nome da empresa – Emirates Stadium –, que também patrocina a equipe.

No Brasil, o primeiro contrato de “naming rights” no futebol profissional surgiu entre a Kyocera e o Atlético-PR. A parceria, fechada em 2005, tem duração prevista de três anos. O Furacão recebeu aproximadamente U$$ 10 milhões da empresa japonesa, com a cota de patrocínio já incluída nesse valor.

No Palmeiras, as negociações de “naming rights” não foram à frente, assim como os diversos projetos para a arena multiuso. E, para fechar o ano, o clube lança mais uma cartada para melhorar seu estádio.

Na última semana, os dirigentes do Porco firmaram parceria com a empresa holandesa que construiu a Amsterdam Arena, do Ajax, para transformar o Parque Antártica em uma arena com capacidade para 40 mil torcedores até 2010.

Como já era de se esperar, e de praxe na história do Palmeiras, o projeto só tem data para conclusão. Pode ser que as obras comecem já no ano que vem. Pode ser que a proposta se concretize, em breve, como mais uma tentativa frustrada.

Entre luzes e desencantos, a torcida palmeirense, uma das cinco maiores do país, já deve ter perdido as esperanças de ver, algum dia, uma arena de verdade.



- Postado por: Breiller Pires às 23h34
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________




O homem da trança

Comecei jogando basquete. Eu era dos bons. Fui cestinha da equipe de Bahía Blanca, minha cidade natal.

Mas vi que, com a bola nos pés, eu poderia fazer muito mais. Do pequeno time do Huracán de Tres Arroyos, cidadezinha há mais de 500 quilômetros de Buenos Aires, fui para o Banfield. De lá, foi um pulo até chegar ao Boca Juniors.

Por onde passei, fui artilheiro. Mostrei que, tal como no basquete, tinha faro para as redes. Em 2005, fui goleador em dois dos três torneios que o Boca conquistou naquele ano: Campeonato Argentino (Apertura) e Copa Sul-americana.

Hoje, sou ídolo da torcida xeneize. Com 25 anos, sou o principal jogador do time sem Riquelme. Já recebi inúmeras propostas da Europa e, apesar da resistência na Bombonera, devo ir para a Juventus no ano que vem.

Sou tratado como uma jóia. Já disputei Copa do Mundo com a camisa da seleção argentina, sou sempre comparado ao ex-atacante Claudio Caniggia, e confesso que às vezes isso me incomoda. Irrelevo.

Como um Beckham latino, lanço moda entre a criançada boquense. Minha trancinha, que mede uns 30 centímetros, chama a atenção e acabou virando mania na Argentina.

Meninos de todas as idades não têm vergonha de raspar o cabelo, fazer uma trança, ao meu estilo, e estampar uma camisa auriazul com o número 14 nas costas pelas ruas de Buenos Aires.

A moda pegou. Virou minha marca registrada. Minha namorada, responsável por cortar o meu cabelo, foi quem deu a idéia desse exótico visual. Como artilheiro nenhum é bobo, eu, ainda que contrariado, não iria desacatar as ordens da patroa.

Mas houve um dia em que quase perdi minha inestimável mecha entrelaçada. Prometi aos ex-companheiros de time, Schiavi e Pato Abbondanzieri, que, se o Boca fosse campeão da Sul-americana, cortaria a trança. Isso foi em 2005.

Na competição, nosso time fazia uma campanha irregular. Talvez, por não acreditar no triunfo, fiz a promessa, sem prezar por minha insígnia. Porém, contrariando expectativas, o Boca acabou campeão.

Os amigos não perdoaram. Cobraram a dívida e, por pura bondade, me cortaram apenas metade da trança.

Passaram-se dois anos e o rabicó cresceu novamente. Cresceram também o meu futebol e a minha fama. Modéstia à parte, o faro apurado para o gol continua o mesmo.

Este sou eu, Rodrigo Palacio, camisa 14, artilheiro do relvado de La Plata, com a indefectível trancinha solitária.

E mesmo com um visual tão distintivo, muitos ainda insistem em me chamar de Palacios. Ora, sem “s”, faça-me o favor.



- Postado por: Breiller Pires às 15h38
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________




Mensagem do coração

Pão de Açúcar, símbolo de todas as outras belezas naturais do Rio de Janeiro.

Marquês de Sapucaí. Menção de honra ao carnaval.

Movimento de duas figuras humanas quase se abraçando, que forma dois pequenos corações. Referência ao povo carioca, maior sinônimo da irreverência do brasileiro.

Cores vibrantes. Verde, amarelo e azul, para abrasileirar a pretensão de uma só cidade. Objetivo que não chega a ser impossível, tratado com mais clareza em outro post do blog.

Tudo isso dentro de um coração maior, parecendo uma flor em origami. A representação de um ousado desejo: receber o maior evento esportivo do mundo.

Esse é o logotipo da candidatura brasileira à sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

Em meio a CBF, INSS, PT, PSDB, IPTU e CPMF, num país onde confiar em siglas é sempre meio arriscado, o COB deu um passo à frente.

Apresentou um logo que, além de visualmente agradável, consegue passar a tal credibilidade que ainda falta a autoridades e dirigentes esportivos do Brasil.



- Postado por: Breiller Pires às 18h29
[ ] [ envie esta mensagem ]

Compartilhe: AddThis Feed Button
___________________________________________________